Unimed Campo Grande

Entrega em prazo recorde

A Thá Engenharia entregou, em 18 de agosto de 2017, o novo Hospital da Unimed Campo Grande, com muita tecnologia e estrutura para melhor atender seus clientes.

A unidade ocupa uma área total de 22.819,76 m² distribuídos em nove andares e contempla 172 leitos, além de centro cirúrgico com dez salas e maternidade com UTI neonatal com 20 quartos de internação. A estrutura abriga ainda sete elevadores para transportar macas e heliponto.

Desafio

A obra teve início em fevereiro de 2015 e o principal desafio da Thá Engenharia foi construir um hospital em cima de outro em funcionamento, sem interrupção no atendimento aos clientes. "A expansão foi feita a partir do complexo já existente e com o hospital em pleno funcionamento. Algumas soluções de engenharia foram realizadas para minimizar os transtornos para os pacientes e funcionários. Foi construída paralelamente uma UTI 'provisória', mas afastada da torre principal; as paredes de alvenaria foram substituídas pelas paredes em drywall, tornando o processo de construção mais rápido e reduzindo a geração de resíduos durante o processo construtivo", conta o engenheiro responsável, Bruno Amadori, do Grupo Thá.

Principais mudanças na concepção do novo hospital

- Área construída: o empreendimento saiu de 3 mil m² para 23 mil m²
- Número de leitos: capacidade de leitos subiu de 50 para 202.
- Centro cirúrgico: cresceu de quatro para dez salas e os cinco leitos de UTI se transformaram em 30.

TECNOLOGIA x Prazo de Execução

Um detalhe que merece destaque na obra foi execução da estrutura metálica. Esta foi uma das etapas de construção que mais tomou a atenção da equipe de engenharia. O sistema metálico multiandares, comparado a outras soluções de estruturas mais convencionais, reduziu significativamente o prazo de execução, melhorando a relação custo x benefício. Além disso, o menor carregamento sobre as fundações do prédio reduziu também o custo de execução das fundações profundas e superficiais.

O novo hospital da Unimed Campo Grande conta também com um sistema de aquecimento solar da água dos chuveiros e torneiras, composto por 79 placas solares localizadas no terraço. "Como estamos em uma região de intensa insolação, em nossos primeiros testes realizados no sistema, o uso do gás GLP para ajudar no aquecimento da água praticamente não existiu", conta Bruno Amadori, engenheiro responsável do Grupo Thá.

Infraestrutura

A Thá Engenharia desenvolveu toda a infraestrutura para a instalação dos equipamentos para as salas de cirurgias, hemodinâmica, UTI e pronto atendimento. Nas quais todas elas possuem energia elétrica com proteção de nobreak, gerador, ar condicionado de forma independente e um complexo sistema de filtragem para evitar contaminações.

Ainda pensando no conforto e agilidade no atendimento dos pacientes, as salas possuem iluminação natural e alta tecnologia médica, como focos cirúrgicos com tecnologia led, réguas de disponibilização de gases em todas as paredes, fluxo laminar que permite uma maior segurança microbiológica. Apoiadas por uma ampla área de pós-operatório e um sistema de última geração de material esterilizado, que amplia a segurança de profissionais e pacientes. O piso é feito em mantas vinílico 100% PVC, que, além de prático para limpar é um material que não propaga chamas. Os arremates de piso e teto das salas contam com cantos arredondados que facilitam a limpeza e evitam o acúmulo de sujeira.

Legislação

A construção segue a legislação vigente, estabelecida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que visa a segurança dos pacientes, com sistema de prevenção de falhas elétricas para evitar danos nos equipamentos eletromédicos ou de causar acidentes a pacientes e equipe médica.

Construído de forma sustentável

O empreendimento foi construído de forma sustentável - com isolamento acústico e térmico, o que reduz o consumo de energia elétrica. O hospital conta ainda com heliponto, equipamentos de alta tecnologia e oferece área de imagem com tomografia computadorizada de 128 canais, ultrassom, raio-x com tecnologia totalmente digital e hemodinâmica. Além disso, prevê espaço físico para ampliação de serviços, como ressonância magnética e mamografia.

Suporte Thá Engenharia

Além da construção, a Thá Engenharia auxiliou na montagem de todos os equipamentos, toda infraestrutura para a instalação e adaptação desses equipamentos importados de salas cirúrgicas, de hemodinâmica e UTI e no pronto atendimento foram feitas pela Thá. Nas palavras do Engenheiro e Gerente de Obras Hospitalares da Thá Engenharia, Lineu Demeterco, "trabalhamos no menor tempo possível e de maneira objetiva juntamente com o hospital e o fornecedor dos equipamentos. O objetivo é atender prontamente nossos clientes e, por isso, a Thá Engenharia se adapta conforme a necessidade de atendimento de cada projeto hospitalar."




Outras Obras Hospitalares